Notícias

Cana Spot é um bom negócio?

20/03/2020

  Muitos produtores na região de atuação da Assocana estão praticando esta modalidade de negócio, que não é nenhuma novidade, porém, desde 2011 o volume de cana vendida sem contrato vem crescendo – a estimativa atual é de 600 mil toneladas nessa condição. “Foi quando a usina de Ibirarema começou a apresentar problemas de liquidez, faltando com o pagamento aos fornecedores, que a cana spot começou a ganhar destaque”, recorda o diretor vice-presidente, Eduardo Leone Perales.

  Todos que não estão satisfeitos com seus parceiros industriais ou mesmo por falta de opção, têm o direito de ter cana spot, desde que tenham também a consciência de que podem enfrentar problemas. Alguns estão muito satisfeitos com essa liberdade de negociar ano a ano a sua produção, mas existem os que preferem a segurança de investir sabendo que a sua cana já tem destino certo. Ocorre que, embora os valores pagos pela tonelada sejam melhores – e isso mexe diretamente no bolso do produtor – quando ele fica sem contrato também existem pontos considerados desfavoráveis, na opinião de Perales e também do gerente da Assocana, Flávio Teixeira, que ponderaram os fatores positivos e negativos desse tipo de negociação:

 

Vantagens da cana sem contrato

- Os preços pagos pela tonelada são melhores, entre R$ 70,00 e R$ 78,00, enquanto as canas com contrato ficam em torno de R$ 55,00/tonelada (Líquido). Importante lembrar que algumas vezes o custo de produção para as unidades industriais pode ser até mais alto do que o custo que ela paga para uma cana spot, mesmo que o valor por tonelada seja maior que os praticados nos contratos fixos.

- O atendimento é muito bom.

- E por ser um negócio anual, o produtor tem a possibilidade de optar por outra indústria, caso as operações de corte não tenham sido satisfatórias para o canavial.

 

Desvantagens

- O investimento no canavial pode ficar comprometido pela insegurança de não ter contrato fixo.

- Vulnerabilidade em relação a incêndios (o produtor pode não ter com quem contar de maneira rápida para cortar sua cana.

- A qualidade da colheita (CTT) não é garantida.

- Em caso de ocorrência de geada, a usina pode atrasar a olheita, prejudicando a qualidade da cana.

 

Consecana baliza o mercado

  Para o presidente da Assocana, Bruno Garcia, a região só tem cana spot porque as indústrias forçaram o produtor a buscar essa alternativa e tinha quem comprasse. Ele acredita que em 2020, com a retomada da Usina Ibéria (Borá) e a chegada da Enersugar (Ibirarema), a demanda por cana aumentou e, se já havia falta de cana, terá mais ainda. “Enquanto tivermos uma oferta de matéria-prima menor que a necessidade, teremos esse mercado de cana spot aquecido”. Segundo o presidente da Assocana, não existe milagre em relação ao preço: “No fundo, no fundo, ninguém dá nada para ninguém! Ninguém compra cana spot sem estar balizado pelo Consecana. O produtor rural tem que fazer a lição de casa: produzir bem!”

 

Waldyra Rodrigues Duarte

Jornalista - MTb 41072/SP


Veja outras publicações
ASSOCANA - Associação Rural dos Fornecedores e Plantadores de Cana da Média Sorocabana