Notícias

CBios já estão valendo

11/03/2020

CBio já é uma realidade

“Os produtores de cana-de-açúcar precisam estar atentos a todo o processo de emissão de Créditos de Descarbonização (CBios), para poder participar ativamente e ter o benefício de receber o CBio”, alerta o presidente da Assocana, Bruno Garcia, que se colocou à disposição dos associados para repassar informações sobre o assunto.

Segundo Bruno, a participação dos produtores de cana é muito benéfica para as usinas, no entanto, é preciso exigir algo em troca. “Precisamos garantir que os fornecedores de cana tenham o direito de também receberem os CBIOs, uma vez que fornecem cana-de-açúcar para as usinas produzirem o etanol. Um fator muito importante e que precisamos lembrar é que para a usina poder produzir CBios com menos litros de etanol e menos toneladas de cana, ela precisa que o produtor autorize, por escrito, a utilização do seu CPF e do seu CAR”, afirma.

Essa questão, de como os produtores se beneficiarão do programa, vem sendo trabalhada pela Orplana (Organização de Associações de Produtores de Cana do Brasil), que já apresentou à Unica (União da Indústria de Cana-de-Açúcar) o documento que pede a “destinação de 100% da quota correspondente à cana do produtor rural a ele próprio, descontados os encargos necessários para a emissão, custódia, impostos e outros relacionados ao CBio”.

A Unica ficou de estudar a apresentar alguma decisão na próxima reunião do Consecana, prevista para 16 de março.

A Assocana está à disposição de todos os associados para mais esclarecimentos.

--

Waldyra Rodrigues Duarte

Jornalista - MTb 41072/SP


Veja outras publicações
ASSOCANA - Associação Rural dos Fornecedores e Plantadores de Cana da Média Sorocabana